Ato público Nenhuma a Menos será realizado dia 23/05 em Conchal

 

Na madrugada de hoje, 19 de maio de 2018, Conchal foi palco de feminicídio, a vítima é Nelly Venite, de 27 anos, que foi brutalmente assassinada com 16 facadas e com sinais de estrangulamento.

O machismo a matou, assim como mata centenas de mulheres todos os dias no Brasil. E nós não suportamos mais ver tantas mulheres sendo mortas pelo machismo.

Dia 23/05, 9h30, na Praça da Fonte de Conchal, nos reuniremos contra o machismo que tanto mata. "NENHUMA A MENOS" é nossa luta. "O MACHISMO MATA" é o nosso grito.

Tragam material para confecção de cartazes: cartolinas, tecidos, tinta, pincéis.

Tragam sua revolta, sua dor.

Tragam suas esperanças de viver em um mundo onde ser mulher não é motivo para ser morta.