Rodovias do Corredor Dom Pedro contam com novo sistema para coibir evasões de pedágio

Câmeras instaladas registram o flagrante e tornam possível a identificação dos infratores

A Concessionária Rota das Bandeiras implantou um novo sistema de monitoramento nas praças de pedágio do Corredor Dom Pedro para coibir o número de evasões de pedágio.

Batizado como Nevada (abreviação de não evada), a novidade consiste na instalação de três câmeras na pista de cobrança automática, sendo uma frontal, uma traseira panorâmica e uma traseira comum. Todos os equipamentos possuem tecnologia Ultra HD, que facilita a identificação das placas do veículo. O investimento é de R$ 70 mil para cada cabine que conta com o novo sistema.

“Trata-se de um trabalho muito detalhista. Foram vários os cuidados que tivemos que tomar para que não haja multas irregulares. Precisamos estar seguros de que os motoristas punidos sejam realmente os infratores”, conta Fábio Luis Santos, da área de T.I, responsável pelo projeto, acrescentando que o sistema só pôde ser colocado em funcionamento após a homologação da Artesp (Agência de Transportes do Estado de São Paulo).

Somente no primeiro semestre deste ano, 51.950 infrações foram registradas nas oito praças de pedágio administradas pela empresa. Durante o ano de 2016, o número de infrações atingiu a impressionante marca de 101.348 ocorrências, ou seja, uma a cada cinco minutos.

Após um estudo realizado, a Rota das Bandeiras constatou que 92% das evasões ocorrem nas vias de cobrança automática. Os veículos pesados são os maiores infratores, responsáveis por 53% dos casos verificados. Entre as principais técnicas usadas pelo usuário para evadir o pedágio, o novo sistema é bastante eficaz contra os choques contra a cancela e a “seguidinha”, quando um carro passa colado a outro que vai à frente.

Após o registro de uma possível evasão, o sistema gera fotos e um vídeo para fazer a verificação da ocorrência. Todo esse material é enviado para o CCA (Centro de Controle de Arrecadação) da Concessionária, que faz as análises necessárias. É preciso verificar se o veículo possui tag ou se o tag não está bloqueado, além de uma série de outros itens. Caso a infração fique comprovada, os dados são enviados para o Departamento de Estradas de Rodagem (DER-SP), órgão responsável por emitir a autuação, e os vídeos ficam registrados pela Concessionária.

O Corredor Dom Pedro é formado pelas rodovias D. Pedro I (SP-065) e José Roberto Magalhães Teixeira, além de trechos das rodovias Prof. Zeferino Vaz (SP-332), entre Campinas e Mogi Guaçu; Eng. Constâncio Cintra (SP-360), entre Itatiba e Jundiaí; e Romildo Prado (SP-063), entre Itatiba e Louveira.

Considerada infração grave, a evasão de pedágios pode gerar ao condutor multa de R$ 195,23, além de cinco pontos na carteira de habilitação, segundo o CTB (Código de Trânsito Brasileiro).

Crédito da imagem: Concessionária Rota das Bandeiras