Sociedade Beneficente de Conchal – 50 anos!

 

por Alfredo G. Madeira Campos *

Quando dos comentários sobre o cinquentenário do Ginásio Estadual de Conchal (atual Pe. Orestes Ladeira), chegamos a falar sobre a proximidade de outro evento semelhante de imenso valor para nossa comunidade. Falamos também sobre uma nota publicada por nosso primeiro jornalista, Sr. Gregório José Bechara, que era o correspondente local do jornal “A Comarca” de Moji Mirim. Na época da instalação do Ginásio Estadual, já havia um movimento iniciado pelo Sr. Francisco Magnusson, nosso primeiro Prefeito Municipal, para a construção de um hospital-maternidade em nossa cidade. Isto aconteceu no primeiro trimestre de 1963. O assunto foi sendo “cozinhado em banho-maria”.

Em agosto de 1963 eu assumi, como suplente, a vaga de vereador por desistência do Sr. Liberato Fadel (da Standard Brands), e encontrei um grupo muito interessado em levar o projeto do Hospital-Maternidade adiante, principalmente pela insistência do Sr. Francisco Magnusson que queria aproveitar a oportunidade de termos, como Governador do Estado, o Dr. Adhemar de Barros, a quem era ligado.

E assim foi que, no dia 22 de setembro de 1963, em memorável assembleia realizada no recinto de nossa Câmara Municipal, deu-se a fundação da SOCIEDADE BENEFICENTE DE CONCHAL, “que teria como escopo primordial a construção, instalação e manutenção de um Hospital-Maternidade nesta cidade de Conchal” como consta da ata de fundação, que está publicada, na íntegra, no final desta edição. Se tiverem tempo e interesse para rever o que aconteceu naquela assembleia histórica deem uma lida na mesma.

Quem se dispuser a lê-la vai verificar que nessa assembleia como sócios fundadores, apareceram somente 17 pessoas (relacionadas no corpo da ata), mas por decisão da assembleia, a condição de “fundadores” ficou aberta a quem desejasse, mediante assinatura no final da ata, que ficou à disposição da população por um bom tempo. Com esta concessão, chegamos a 86 sócios fundadores. A lista também está publicada em seguida a ata de fundação, para que possam relembrar-se de diversas pessoas daquela época. Curiosidade: não existe nenhuma mulher entre os signatários. Se fosse hoje, seriam maioria.

Foi também nessa assembleia eleita a Diretoria Provisória que, por indicação do Sr. Egydio Corte e aprovação geral, foi constituída pelos 6 (seis) vereadores presentes à assembleia, senhores Mario Zanqueta, Vicente Archangelo, Jayme Sommer, Francisco Magnusson Filho, Nelson Gomes Esteves da Cunha e Alfredo Guilherme Madeira Campos; e para o Conselho Fiscal Provisório foram indicados e aceitos os senhores Sebastião Gomes, Jacinto Scaglione e João Megiato.

Foi também informado à assembleia que o Sr. Mario Zanqueta havia se proposto doar um terreno para a entidade construir sua obra, em seu loteamento “conhecido como Jardim Dulce Maria”. O mais interessante dessa passagem foi o fato de que alguém da assembleia considerou o terreno “mal localizado” pois teria dificuldade de conseguir “instalação de água e força para o Hospital”. Isto há meros 50 anos.

Três dias depois, dia 25 de setembro, realizou-se a primeira reunião da Diretoria Provisória para definição dos cargos, que ficou com a seguinte constituição: Presidente - Alfredo Guilherme Madeira Campos; Vice-Presidente - Jayme Sommer; 1º Secretário - Nelson Gomes Esteves da Cunha; 2º Secretário - Vicente Archangelo; 1º Tesoureiro - Francisco Magnusson Filho e 2º Tesoureiro - Mario Zanqueta.

Esta foi a parte mais fácil da história da Sociedade Beneficente de Conchal. Se vocês fizerem um pequeno exercício de imaginação, poderão calcular as dificuldades que tivemos que enfrentar ao longo da existência da SBC que conseguiu percorrer parte do seu sonhado caminho até agosto de 1991, quando passamos o acervo e a responsabilidade do Hospital-Maternidade à Associação Filhas de São Camilo.

Voltaremos ao assunto.

* e-mail do autor: cortecamppos@dglnet.com.br

 

Abaixo exibimos a cópia da Ata de fundação da Sociedade Beneficente de Conchal:

 

 

Ata da primeira reunião da diretoria da Sociedade Beneficente de Conchal: